Notícias do dia

No ano passado, 15,3% dos reclusos eram preventivos e 16,7% estrangeiros - Notícias ao Minuto (liberação de imprensa);

No ano passado, 15,3% dos reclusos eram preventivos e 16,7% estrangeiros - Notícias ao Minuto (liberação de imprensa)

Notícias ao Minuto (liberação de imprensa)No ano passado, 15,3% dos reclusos eram preventivos e 16,7% estrangeirosNotícias ao Minuto (liberação de imprensa)A população prisional abrangia 13.779 pessoas a 31 de dezembro passado e destes 15,3% eram preventivos, 93,7% homens e 16,7% reclusos estrangeiros, indica o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) 2016 hoje divulgado. © Getty Images.e mais »

Violência doméstica aumenta. Mais de 32 mil vítimas em 2016 - Notícias ao Minuto (liberação de imprensa);

Violência doméstica aumenta. Mais de 32 mil vítimas em 2016 - Notícias ao Minuto (liberação de imprensa)

Notícias ao Minuto (liberação de imprensa)Violência doméstica aumenta. Mais de 32 mil vítimas em 2016Notícias ao Minuto (liberação de imprensa)A violência doméstica aumentou quase 2% em 2016 face ao ano anterior, com 27.291 ocorrências registadas pelas forças de segurança, que envolvem mais de 32 mil vítimas, indica o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI), divulgado hoje. © iStock.e mais »

Criminalidade em Portugal: pontos essenciais - Jornal de Notícias;

Criminalidade em Portugal: pontos essenciais - Jornal de Notícias

Jornal de NotíciasCriminalidade em Portugal: pontos essenciaisJornal de NotíciasA criminalidade geral diminuiu 7,1% em 2016 face ao ano anterior e os crimes violentos e graves recuaram 11,6%, segundo o Relatório Anual de Segurança Interna divulgado esta sexta-feira e que regista indícios de apoio ao terrorismo em Portugal.e mais »

RASI: Detetados em Portugal índicios de apoio à atividade terrorista - TomarNoticias;

RASI: Detetados em Portugal índicios de apoio à atividade terrorista - TomarNoticias

TomarNoticiasRASI: Detetados em Portugal índicios de apoio à atividade terroristaTomarNoticiasO relatório dá atenção também à permanência de "um grupo de indivíduos com nacionalidade portuguesa na região de conflito sírio-iraquiana, com ligações à organização terrorista Estado Islâmico", que se mantém "como um fator de preocupação ...e mais »

Detetados em Portugal índicios de apoio à atividade terrorista - RASI - TomarTVmedia;

Detetados em Portugal índicios de apoio à atividade terrorista - RASI - TomarTVmedia

TomarTVmediaDetetados em Portugal índicios de apoio à atividade terrorista - RASITomarTVmediaA criminalidade grave e violenta diminuiu 11,6% em 2016, revelou hoje a ministra da Justiça, após uma reunião do Conselho Superior de Segurança Interna sobre o relatório anual que será divulgado na sexta-feira. Só que o caso identificado em Portugal ...e mais »

Recusas de entrada de imigrantes aumentaram em 2016 - A Bola;

Recusas de entrada de imigrantes aumentaram em 2016 - A Bola

A BolaRecusas de entrada de imigrantes aumentaram em 2016A BolaAs recusas por parte de Portugal para entrarem no seu território aumentaram 30% no passado ano de 2016. Segundo o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) esta percentagem deve-se a pressão da imigração ilegal justificada pela inversão de ...e mais »

Portugal registou "acentuada pressão" da imigração ilegal em 2016 - RASI - RTP

Portugal registou "acentuada pressão" da imigração ilegal em 2016 - RASIRTPAs recusas de entrada em Portugal aumentaram quase 30% em 2016 devido a "pressão da imigração ilegal justificada pela inversão das tendências económicas" de alguns países, como Brasil e Angola, segundo o Relatório Anual de Segurança Interna ...e mais »

O ninho do crime organizado: a segurança privada - TSF Online;

O ninho do crime organizado: a segurança privada - TSF Online

TSF OnlineO ninho do crime organizado: a segurança privadaTSF OnlineA atividade de segurança privada, principalmente a que é desenvolvida no contexto de diversão noturna, tem consolidado o seu "perfil atrativo" para a infiltração dos grupos violentos e organizados. Esta é uma das conclusões do Relatório Anual de ...e mais »

Aumenta a criminalidade em contexto escolar, principalmente fora das escolas - Diário de Notícias - Lisboa;

Aumenta a criminalidade em contexto escolar, principalmente fora das escolas - Diário de Notícias - Lisboa

Diário de Notícias - LisboaAumenta a criminalidade em contexto escolar, principalmente fora das escolasDiário de Notícias - LisboaA criminalidade no exterior das escolas aumentou mais de 5% em 2015-2016 face ao ano letivo anterior, e o total de ocorrências em ambiente escolar cresceu 6,2%, indica o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) divulgado esta sexta-feira. "Durante ...e mais »

Menos assaltos a bancos, mas o dobro dos crimes de sabotagem informática - Público.pt

Menos assaltos a bancos, mas o dobro dos crimes de sabotagem informáticaPúblico.ptRelatório Anual de Segurança Interna dá conta da descida dos homicídios e das violações em 2016. Assaltos a máquinas multibanco e violência escolar aumentaram. Ana Henriques. 31 de Março de 2017, 20:36. Partilhar notícia. 11 partilhas; Partilhar no ...e mais »

Detetados em Portugal indícios de apoio à atividade terrorista - Jornal de Notícias;

Detetados em Portugal indícios de apoio à atividade terrorista - Jornal de Notícias

Jornal de NotíciasDetetados em Portugal indícios de apoio à atividade terroristaJornal de NotíciasAs autoridades detetaram em Portugal indícios de apoio a estruturas terroristas a operar no exterior, mas não relacionados com o planeamento de atentados no país. "Nos últimos anos têm vindo a ser recolhidos e avaliados indícios que dão conta do ...e mais »

Criminalidade baixou 7,1%, com destaque para distrito do Porto - Jornal de Notícias;

Criminalidade baixou 7,1%, com destaque para distrito do Porto - Jornal de Notícias

Jornal de NotíciasCriminalidade baixou 7,1%, com destaque para distrito do PortoJornal de NotíciasA criminalidade geral participada baixou 7,1%, registando menos 25.160 participações criminais do que em 2015, tendo só o distrito do Porto contabilizado menos 4.943 casos. Assim, o número total de participações registadas pelos oito órgãos de polícia ...e mais »

Segurança: Criminalidade geral baixou 7,1%, com destaque para distrito do Porto - Correio da Manhã;

Segurança: Criminalidade geral baixou 7,1%, com destaque para distrito do Porto - Correio da Manhã

Correio da ManhãSegurança: Criminalidade geral baixou 7,1%, com destaque para distrito do PortoCorreio da ManhãA criminalidade geral participada baixou 7,1%, registando menos 25.160 participações criminais do que em 2015, tendo só o distrito do Porto contabilizado menos 4.943 casos, revela o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) de 2016. Assim, o número ...e mais »

Menos crimes violentos e graves nos últimos sete anos - RASI - RTP;

Menos crimes violentos e graves nos últimos sete anos - RASI - RTP

RTPMenos crimes violentos e graves nos últimos sete anos - RASIRTPA criminalidade violenta e grave diminuiu 11,6% em 2016, acompanhando a tendência dos últimos sete anos, mas o roubo transportes de valores subiu quase 67%, indica o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI). Segundo o RASI de 2016, os crimes ...e mais »

Relatório de Segurança: apreensões de ecstasy e haxixe disparam 200% - Expresso

Relatório de Segurança: apreensões de ecstasy e haxixe disparam 200%ExpressoHaxixe tornou-se a droga mais apreendida em Portugal. Drogas sintéticas são compradas no lado negro da Internet e chegam aos consumidores pelo correio. Mais de 3 milhões de euros em dinheiro encontrado em operações. Raquel Moleiro. Jornalista.e mais »

Criminalidade violenta em Portugal diminuiu 11,6% em 2016 - RTP;

Criminalidade violenta em Portugal diminuiu 11,6% em 2016 - RTP

RTPCriminalidade violenta em Portugal diminuiu 11,6% em 2016RTPNo ano passado, registaram-se 16.761 casos de criminalidade grave e violenta, ou seja, menos 2.200 ocorrências do que em 2015. Os dados constam do relatório anual do Conselho Superior de Segurança Interna, apresentado esta sexta-feira. Partilhar o ...e mais »

Relatório de segurança. Menos crimes no geral e menos violência, mas as excepções persistem - Expresso;

Relatório de segurança. Menos crimes no geral e menos violência, mas as excepções persistem - Expresso

ExpressoRelatório de segurança. Menos crimes no geral e menos violência, mas as excepções persistemExpressoA criminalidade em Portugal tem vindo sempre a descer. Nos últimos oito anos o número de participações caiu 21%, de acordo com o RASI de 2016. Mas a violência doméstica, os crimes de extorsão e o tráfico de droga continuam em contraciclo.e mais »

Relatório de Segurança. Aumento generalizado dos crimes informáticos - Expresso;

Relatório de Segurança. Aumento generalizado dos crimes informáticos - Expresso

ExpressoRelatório de Segurança. Aumento generalizado dos crimes informáticosExpressoCasos que envolvem tecnologias informáticas registaram um aumento de 21,5% em 2016, com a sabotagem informática a encabeçar a lista. Pornografia de menores é um dos crimes em destaque. Mariana Lima Cunha. Jornalista. A segurança informática é ...e mais »

Não há um risco maior de terrorismo islâmico em Portugal - TSF Online;

Não há um risco maior de terrorismo islâmico em Portugal - TSF Online

TSF OnlineNão há um risco maior de terrorismo islâmico em PortugalTSF OnlineO alerta consta no Relatório de Segurança Interna, mas o presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade e Terrorismo acredita que não há um risco acrescido do terrorismo islâmico em Portugal. Foto de arquivoFoto: Reinaldo Rodrigues/Global ...e mais »

Relatório: Portugal com risco acrescido de terrorismo jihadista - Jornal Económico (liberação de imprensa);

Relatório: Portugal com risco acrescido de terrorismo jihadista - Jornal Económico (liberação de imprensa)

Jornal Económico (liberação de imprensa)Relatório: Portugal com risco acrescido de terrorismo jihadistaJornal Económico (liberação de imprensa)Os serviços de informações têm "indícios já detetados no nosso país", que dão conta do "agravamento de alguns fatores de risco" da ameaça terrorista em Portugal. O Relatório de Segurança Interna (RASI) será entregue esta sexta-feira na Assembleia da ...e mais »